JPL-JORNAL---OFICIAL-

quinta-feira 11, abril, 2024 - 16:38

Empreendedorismo

Como elaborar um Plano de Negócios BMC CANVAS

Qual a importância de um Plano de Negócios para quem quer empreender? Vejamos… Um

image_printImprimir

Qual a importância de um Plano de Negócios para quem quer empreender? Vejamos…

Um Plano de Negócios é uma ferramenta essencial para qualquer empreendedor que deseja iniciar um novo empreendimento ou expandir um negócio existente. Ele é um documento detalhado que descreve a visão, os objetivos, as estratégias e as projeções financeiras da empresa.

O BMC – CANVAS é a ferramenta mais indicada para substituir o Plano de Negócios inicialmente para a formatação do Modelo de Negócios principalmente para Startups como Uber e Nubank. Vamos ver como essa ferramenta funciona.

O Business Model Canvas (BMC) é, de fato, uma ferramenta amplamente utilizada para substituir o formato tradicional do Plano de Negócios, especialmente para startups e empresas inovadoras. O BMC é uma representação visual do modelo de negócios de uma empresa, que permite uma análise clara e concisa dos principais elementos que compõem a empresa e como eles se relacionam.

O BMC é dividido em nove blocos ou seções, cada um representando um aspecto fundamental do modelo de negócios. Vamos explorar cada um desses blocos:

  • Segmentos de clientes: Nesta seção, você identifica os diferentes grupos de clientes que sua empresa pretende atender. Esses segmentos podem ser definidos com base em características demográficas, necessidades, comportamentos ou outros critérios relevantes.
  • Proposta de valor: Aqui você descreve os produtos ou serviços que sua empresa oferece e como eles criam valor para os clientes. A proposta de valor deve destacar os benefícios exclusivos que sua empresa oferece e como ela resolve problemas ou atende às necessidades dos clientes.
  • Canais: Essa seção refere-se aos canais de distribuição que sua empresa utiliza para alcançar e se comunicar com os clientes. Os canais podem incluir vendas diretas, lojas físicas, e-commerce, parcerias estratégicas, entre outros.
  • Relacionamento com clientes: Aqui você descreve o tipo de relacionamento que sua empresa estabelece com os clientes. Isso pode variar de relacionamentos pessoais e individuais a interações automatizadas ou plataformas de autoatendimento.
  • Fontes de receita: Nesta seção, você identifica as diferentes formas de gerar receita para sua empresa. Pode ser através de vendas diretas, assinaturas, publicidade, licenciamento, entre outras opções.
  • Recursos-chave: Aqui você identifica os recursos necessários para operar o modelo de negócios. Isso pode incluir recursos físicos, como equipamentos e instalações, recursos humanos, como funcionários e talentos especializados, e recursos intangíveis, como propriedade intelectual ou parcerias estratégicas.
  • Atividades-chave: Essa seção se refere às principais atividades que sua empresa precisa realizar para fornecer valor aos clientes. Isso pode envolver fabricação, desenvolvimento de produtos, marketing, atendimento ao cliente, entre outros.
  • Parcerias-chave: Aqui você identifica as parcerias estratégicas necessárias para o sucesso do seu modelo de negócios. Isso pode incluir fornecedores, distribuidores, parceiros de co-criação ou alianças estratégicas.
  • Estrutura de custos: Nesta seção, você descreve os custos associados à operação do seu modelo de negócios. Isso inclui custos fixos e variáveis, como produção, marketing, pessoal, infraestrutura, entre outros.

O BMC é uma ferramenta flexível que permite uma análise visual e interativa do modelo de negócios de uma empresa. Ele facilita a compreensão das conexões entre os diferentes elementos e ajuda a identificar pontos fortes, desafios e oportunidades. Além disso, o BMC pode ser facilmente atualizado e iterado à medida que o negócio evolui e novas informações são obtidas.

Uma das principais vantagens do BMC é a sua capacidade de sintetizar informações de forma clara e concisa, facilitando a comunicação e o compartilhamento de ideias entre membros da equipe, investidores e outras partes interessadas. Ele permite uma visualização completa do modelo de negócios em uma única página, o que facilita a análise e a identificação de possíveis melhorias ou ajustes.

Outra vantagem do BMC é que ele incentiva uma abordagem mais ágil e iterativa para o desenvolvimento do modelo de negócios. Diferentemente do formato tradicional do Plano de Negócios, que pode ser extenso e demorado para ser atualizado, o BMC permite que as empresas testem e ajustem rapidamente suas hipóteses e estratégias à medida que aprendem com a interação com o mercado.

Além disso, o BMC é particularmente útil para startups e empresas inovadoras, pois enfatiza a validação do modelo de negócios por meio de experimentação e interação com os clientes. Ele ajuda a identificar os principais riscos e incertezas associados ao modelo de negócios e permite que a empresa desenvolva estratégias para mitigá-los.

No entanto, é importante destacar que o BMC não substitui completamente a necessidade de um Plano de Negócios mais detalhado em alguns casos, especialmente quando são necessárias análises financeiras mais aprofundadas, planos de marketing detalhados ou quando há exigências específicas de investidores ou instituições financeiras.

Em resumo, o Business Model Canvas é uma ferramenta valiosa e eficaz para a formatação do Modelo de Negócios, especialmente para startups e empresas inovadoras. Ele proporciona uma representação visual clara e concisa do modelo de negócios, facilita a comunicação e a análise, além de permitir uma abordagem ágil e iterativa para o desenvolvimento do negócio

 Modelo BMC Uber :